Regulamentação de Rodeio

Os peões de fazenda, encarregados de domar cavalos e burros, não imaginavam que essa prática tornasse uma atração do gosto popular.

A festa de “Peão de Boiadeiro” é realizada hoje em mais de 1380 localidades por ano com uma platéia estimada de 27 milhões de pessoas. Essa frequência já supera hoje aos Rodeios nos Estados Unidos, onde surgiu essa modalidade moderna de rodeio, transformando-se também em eventos turístico oficiais em milhares de municípios brasileiros.

Atualmente, setores do Ministério Público e a Sociedade Protetora dos Animais têm o entendimento de que os rodeios causam maus tratos aos animais, em especial ao fazerem uso do sedém, solicitando algumas cidades a não realização desses eventos, trazendo evidentemente muitos transtornos.

Diante desses fatos apresentei projeto de lei no Congresso Nacional propondo a regulamentação dessa importante atividade na vida brasileira, quer como geração de empregos, opção de lazer e entretenimento a todas as faixas etárias. O projeto considera lícito o uso do sedém dentro de padrões internacionais e determina a presença de um médico veterinário para acompanhar e relatar posteriormente às autoridades competentes as ocorrências, visando evitar maus tratos aos animais. Além disso, o projeto exige inspeção de segurança para garantir que as milhares de pessoas que frequentam esses eventos tenham sua segurança garantida. Prevê ainda a regulamentação profissional dos peões, garantindo vínculo contratual, assistência médica e previdenciária.

O rodeio cresce a cada diaem nosso Paísmovimentando cifras elevadas e gerando muitos empregos. Por isso não pode passar despercebido do Congresso Nacional, que deve, por sua grandiosidade, regulamentá-lo. Vivemos um País democrático, portanto mesmo havendo divergências é preciso consultar o povo para saber de sua opinião e não simplesmente solicitar à justiça que impeça a realização dessas verdadeiras festas populares.

Não podemos quebrar essa tradição de nossa gente, vamos lutar para manter o Rodeio Brasileiro. Esta também é minha luta.

Milton Monti
Deputado Federal (PMDB)



Leia outras matérias

Ivete Sangalo, o calor baiano
EDITORIAL
Gian & Giovani, dez anos de sucesso
Normas para rodeios resguardam o espetáculo